31/01/2015

Sport vence o 50ª clássico diante do Santa Cruz no Arruda


Pernambucano 2015, hexagonal: Santa Cruz x Sport. Foto: Marlon Costa/FPF
Balançando as redes três vezes no segundo tempo, o Sport goleou o Santa Cruz na abertura do hexagonal do campeonato estadual de 2015 e chegou a 50 vitórias sobre os rivais das multidões dentro do Arruda. Com o 0 x 3 no placar, o visitante ultrapassou o mandante no número de triunfos nos clássicos realizados no José do Rêgo Maciel em toda a história, segundo os dados do pesquisador Carlos Celso Cordeiro.
161 jogos
49 vitórias do Santa
62 empates
50 vitórias do Sport

Um resultado emblemático, sem dúvida, dando mais molho a uma rivalidade quase centenário. Foi também um começo quente para o Pernambucano de fato – que não tinha um clássico na primeira rodada desde 1996. Mais entrosado, o Leão só fez valer a sua superioridade técnica nos 45 minutos finais. Antes, teve que ter muita paciência. Enquanto no dedicado Santa era visível a falta de entrosamento, o Sport entrou em campo num ritmo bem abaixo daquele imposto no amistoso contra o Nacional do Uruguai.
Pernambucano 2015, hexagonal: Santa Cruz x Sport. Foto: Marlon Costa/FPF
O primeiro tempo foi amarrado, apesar da disposição. Foram poucas jogadas criadas. Tanto que cada time teve apenas uma chance, ambas com finalizações constrangedoras. Primeiro com o tricolor Waldison (chute tosco) e depois com o leoninoJoelinton (cafofa). As vaias das duas torcidas foram aumentaram a exigência por um futebol mais solto.
Na volta dos vestiários, o Sport aos poucos foi trocando mais passes, com Eduardo Batista gritando a todo momento “gira, gira”. Era para a bola ir de pé em pé mesmo, envolvendo o adversário. Foi assim que a marcação coral apertou, abusando das faltas. Uma delas fatal, dentro da área. Bileu derrubou Régis, num pênalti claro e inconsequente do volante. Na cobrança, Danilo chutou no meio do gol e abriu o placar. O prognóstico já não era bom para o goleiro Bruno, que em sua estreia não defendera uma vez sequer nas 11 cobranças do Zalgiris Vilnius.
O campo ficou ainda mais aberto com uma dupla expulsão (Alemão para os corais e Joelinton para os leoninos). Excesso de rigor, para os dois lados do árbitro carioca Marcelo de Lima Henrique. Na sequência, o Rubro-negro “matou” o jogo num contragolpe mortal, com uma deixadinha de Rithely para Élber ampliar placar no primeiro clássico do ano. O mesmo Élber, que chegou sem alarde na Ilha, definiu a categórica (50ª) vitória aos 43 minutos, livre, já com o Santa disperso.

Fonte: Diário de Pernambuco

Corinthians de Caicó definido para estreia no Campeonato Potiguar 2015


Viajando para Santa Cruz neste domingo, com o objetivo de conseguir os primeiros três pontos logo na estreia do Campeonato Potiguar 2015, o Corintians de Caicó já tem definidos os jogadores aptos a disputar a partida de amanhã, contra o Alecrim no Iberezão às 17:00.
JOGADORES RELACIONADOS:
Goleiros: Bel e Wagner;
Zagueiros: Júlio Palmeira, Caíque Silva, Dedé;
Laterais: Kaíque Mendes, Állefe e Jean;
Volantes: Coruja e Jeferson;
Meias: Renatinho, Ju, Bodinho e Leleu;
Atacantes: Édipo, Rosivaldo e Marquinhos.

Fonte: Blog do Jotinha

26/01/2015

No Acre, atletas usam faróis de motos para iluminar quadra e jogar basquete


Jogadores usaram faróis de motos para jogar basquete em quadra sem iluminação no Acre (Foto: Jairo Silva/Arquivo pessoal)
Jogadores usaram faróis de motos para jogar basquete em quadra sem iluminação (Foto: Jairo Silva/Arquivo pessoal)
Um grupo de jogadores de basquete de Rio Branco, capital do Acre, resolveu inovar no domingo (25). Com a falta de iluminação de uma quadra localizada no Parque da Maternidade, próxima ao Tacacá da Base, os atletas usaram os faróis de motos para praticar o esporte e chamar a atenção para o problema. Segundo a Secretaria de Estado de Obras Públicas (Seop), o espaço terá reparo "imediato".
Segundo Jairo Silva, que tem passagem por Rio Branco, Atlético e Ajax, as partidas são realizadas todos os dias na quadra, a partir das 19h. Esse é o único local aberto onde os atletas podem praticar o basquete na capital acreana. Cerca de 25 jogadores de times locais participam dos jogos.
- Já fazem duas semanas que a área que a gente joga tem uma parte comprometida das luminárias, não só na quadra, mas na extensão do canal. Inicialmente, dei a ideia da gente fazer fotos com as lanternas dos celulares, mas não funcional e sugeri as motos. Seria interessante consultar os atletas para fazer os reparos - explicou.
O GloboEsporte.com conversou com o secretário de Obras Públicas do Estado, Leonardo Neder. De acordo com ele, os reparos na quadra serão feitos de "imediato".
- A gente iniciou o ano com uma perspectiva financeira mais rigorosa que exigiu uma redução do ritmo de trabalho agora em 2015. Neste caso específico, como está tendo essa demanda da comunidade, vamos autorizar que faça o reparo imediato nessa iluminação, amanhã (terça-feira) - garantiu.

Por Globo Esporte

Santa Cruz de Santa Rita perde patrocínio municipal de R$ 350 mil e ameaça montar time amador para terminar o Paraibano


Foto: Francisco França / Jornal da Paraíba

O Santa Cruz de Santa Rita está em meio a mais uma crise. E ameaça agora dispensar todos os jogadores contratados para o Campeonato Paraibano e montar uma equipe formada exclusivamente com jogadores amadores da própria cidade apenas para “terminar o campeonato”. Tudo isto depois que o prefeito Reginaldo Pereira, do município de Santa Rita, vetou de última hora o Projeto de Lei 117/2014 de autoria do próprio Poder Executivo que previa um repasse de R$ 350 mil à equipe, valor a ser pago ao longo dos cinco primeiros meses do ano. E agora sem o patrocínio público, o time diz não ter dinheiro nenhum para a competição.
Os argumentos do prefeito são contundentes. Segundo ele, o projeto era “constitucional e legal”, e até mesmo justo, já que previa a “destinação de recursos públicos para fomentar o esporte”, mas ainda assim inconcebível diante da “situação calamitosa que se encontra o município”.
De acordo com o ofício assinado por Reginaldo, a Prefeitura de Santa Rita está com problemas que vão desde o atraso no pagamento de fornecedores, até atraso de salários do magistério e de parte dos servidores da saúde, que ainda não teriam recebido os vencimentos de dezembro de 2014.
“Conceder subvenção social em valor tão considerável para uma única instituição, mesmo que seja justo e merecido, diante do quadro financeiro a que fomos conduzidos, contraria o interesse público”, escreve o prefeito em parte do documento.
documento santa rita, santa cruz-pb (Foto: Reprodução) 
Decisão do prefeito de Santa Rita veta a transferência de R$ 350 mil em verba pública ao clube da cidade (Foto: Reprodução)

O caso de Santa Rita, na verdade, é atípica. Reginaldo Pereira foi eleito em 2012 e assumiu a gestão municipal em 2013. Em abril do ano passado, contudo, ele foi afastado pela Câmara Municipal da cidade, mas retornou ao cargo em dezembro do ano passado. Agora, ele diz que recebeu a cidade quebrada, o que obriga a essas medidas drásticas.
 A diretoria do clube, contudo, se mantém alheio às justificativas e protesta com veemência. O presidente Junior Veríssimo diz que vai colocar um carro de som em frente à sede da Prefeitura para um protesto na manhã de quarta-feira, em que deve comparecer dirigentes e torcedores com o objetivo de pressionar o prefeito. E em meio à crise, acusa Reginaldo Pereira de chantagear o Santa Cruz.
Segundo o presidente, interlocutores de Reginaldo fizeram chegar ao clube que o dinheiro seria liberado caso R$ 10 mil de cada uma das cinco parcelas de R$ 70 mil fossem devolvidas ao prefeito, o que acabou sendo negado.
- Foi por isto que ele vetou o projeto. Porque eu neguei a proposta dele – disparou Veríssimo.
Em tom desolado, o presidente disse ainda que o clube não vai ter dinheiro para pagar os salários dos jogadores, e que por isto a tendência é que todos sejam dispensados.
- O jeito vai ser montar um time só com jogadores da cidade. Apenas para que possamos terminar o campeonato. Uma reunião hoje a noite deve definir estes detalhes – ponderou.
O jeito vai ser montar um time só com jogadores da cidade. Apenas para que possamos terminar o campeonato"
Junior Veríssimo, presidente do Santa Cruz-PB
 Ele alerta que se isto acontecer o time não deve jogar contra o Miramar nesta quarta-feira, no Estádio Almeidão, já que os novos atletas não seriam regularizados a tempo.
- Não estaríamos aptos a jogar antes de domingo – alertou, explicando que após a solicitação de registro de jogador o processo dura em média 48 horas para ser concluído.
A reportagem entrou em contato com o prefeito de Santa Rita e com uma série de seus assessores, mas nenhum deles atendeu as ligações.
Este não é o primeiro problema enfrentado pelo Santa Cruz. Na semana passada, a diretoria do clube já tinha ameaçado deixar a competição por causa do veto do Estádio Teixeirão, de Santa Rita, que foi considerado inapto para receber jogos de futebol. A medida obrigou que o Santa mandasse seus jogos em João Pessoa, o que segundo os dirigentes já gerava uma série de prejuízos à agremiação.
Dentro de campo, o Santa faz uma competição apenas regular. Em dois jogos, o time marcou três pontos. Estreou com derrota de 2 a 0 com o CSP, mas depois o Santa se recuperou ao vencer o Atlético de Cajazeiras por 1 a 0.

Por Globo Esporte PB

Diretoria do Sport Teixeira vai a FPF para reativar equipe junto a entidade e voltar a 2ª Divisão do Paraibano


Em conversa com o treinador do Sport Clube de Teixeira, Reginaldo, fomos informado que a diretoria da equipe junto com o Prefeito Municipal Nego de Guri da cidade de Teixeira estará indo nesta terça(27) até a sede da Federação Paraibana de Futebol para ver a situação do clube junto a entidade.
A diretoria do sport pretende reativar a equipe na FPF para disputar as competições de base e voltar a 2ª Divisão do Paraibano, já faz alguns anos que o Sport disputou a competição estadual.
Reginaldo informou que já vem trabalhando com as categorias de base do clube, na ultima sexta(23) realizou duas partidas amistosas frente ao Nacional de Patos, no sub 15 deu empate em 2x2 e no sub 17 0x0.
A equipe sub 17 vai disputar o Campeonato Regional Sub 17 da Liga Patoense de Futebol e está a procura de partidas amistosas em Teixeira e na região.

Portal Esporte São José do Sabugi

INDEPENDENTE É CAMPEÃO MUNICIPAL DE NOVA PALMEIRA/PB.


 INDEPENDENTE- CAMPEÃO
 Na tarde deste domingo dia 25 de janeiro aconteceram às finais do 11º Campeonato Municipal de Futebol de Campo de Nova Palmeira/PB,  Taça "Jacir Bezerra de Medeiros’’ ex- atleta do município.
   A final das equipes preliminares foi entre as equipes do grêmio e Valença, no tempo normal o placar foi 2x2, a partida foi decidida nas cobranças de pênalti e que levou a melhor foi a equipe do grêmio que venceu pelo placar de 4x1.
  A partida principal foi decidida entre as equipes do Independente e Rio verde, em uma partida bastante disputada, as duas equipes lutaram até o fim do jogo, no tempo normal o placar foi 1x1, o gol do independente foi marcado por cocota, e para o Rio verde marcou Eliton,  nas cobranças de pênalti o Independente venceu e sagrou-se campeão municipal 2014, o artilheiro da competição foi o atleta Stefson da equipe Lobos marcando 6 gols, o goleiro menos vazado foi o atleta galeguinho da equipe Rio verde.
  Premiação da Partida Principal
Ficha Técnica da Partida Principal:
Arbitro: Rogerio
Auxiliares: Radan e Jânio.
Estádio Municipal Clidenor Albuquerque Farias
Independente:
Besço, Cleiton, Melke, Wesley, Nego, Michel, Leandrinho, João Victor, Albinho, Cocota, Cabeção, Chaguinha, Dentinho, Henrique, Artur, MataB urro.
Rio Verde:
Nego, Renildo, Bordado, Tão, Damião, Mico, Everaldo, Galego, Eliton,R icardo, Guegue, Guedo, Branquinho, Erivaldo, Bastinho, Toquinho, Guei, Baiano, Jaquinha.
Premiação da Partida Principal
Fonte: Frei Martinho Esporte

Entrou calado e saiu mudo! Quatro dias depois de ter sido contratado pelo Galo Didi sai de Caicó e vai pro Periquito


Por essa ninguém esperava, o acatante jucurutuense Didi Potiguar que havia sido contratado a apenas quatro dias pelo Corintians de Caicó, anunciou na manhã desta segunda (26) o seu desligamento do galo para se transferir para o Alecrim, o periquito verde da capital espacial brasileira.

Sem dar muitas explicações a torcida nem a imprensa o já experiente jogador esteve pela manhã no clube para se despedir e comunicar a diretoria sua ida para Natal.

Didi que já foi potiguar, Leão e Galo agora por certo será Didi Periquito.

Essa é a décima segunda baixa no Corintians em uma semana, destacando que faltam apenas mais 6 dias para a estréia do time no estadual potiguar justamente contra ess emesmo Alecrim que hora leva seu principal atacante.
 
Fonte: Blog de Niltinho Fereira

Verdão do Talhado é campeão do Torneio realizado no Pinga



Foi realizado na tarde deste domingo(25) um Torneio de Futebol na comunidade Pinga município de Santa Luzia, participaram quatro equipes: Cruzeiro do Pinga, Botafogo do Bom Jesus, Verdão do Talhado e Campinense de Santa Luzia.
O campeão foi o Verdão do Talhado e a organizadora foi Novinha do Bar da Boa, veja os resultados do torneio:
Bom Jesus 0 X 3 Campinense
Verdão 3 X 2 Cruzeiro do Pinga
Final: 
Verdão 2 X 0 Campinense
Campeão: Verdão
Vice: Campinense
Como sempre as competições realizadas na comunidade Pinga tem presença de muitos torcedores, desta vez não foi diferente, mais de 300 torcedores e desportistas estiveram durante o evento apoiando e incentivando as equipes participantes.
Lembro da época que o Campeonato Ruralzão da Liga Santaluziense de Desportos era realizado e em duas finais entre Central do Riacho da Serra e Cruzeiro do Pinga foram com casa cheia, por muito tempo uma dessas finais teve o maior público registrado do estádio machadão em Santa Luzia, as duas equipes levavam muitos torcedores a campo, foram duas finais memoráveis que nunca mais aconteceram igual aquelas na região.

Cobertura de Sérgio William

Correspondente do Portal Esporte São José do Sabugi
Na Comunidade Pinga

JP marca, Bonzão de Picui empata em Jaçanã e garante 1º lugar de seu grupo no Copão Serrano


JP MARCA E BONZÃO EMPATA EM 1X1 NA CIDADE DE JAÇANÃ - RN E CONSEGUE A PRIMEIRA COLOCAÇÃO DO GRUPO DODY SPORT DO COPÃO SERRANO 2014. 

QUEM FOI AO ESTÁDIO MUNICIPAL DE JAÇANÃ VIU UMA EXCELENTE PARTIDA DE FUTEBOL, COM AS DUAS EQUIPES EM BUSCA DA LIDERANÇA NO GRUPO DODY SPORT, O BONZÃO LEVOU A MELHOR, APOS SOFRER UM GOL NO PRIMEIRO TEMPO DE PARTIDA,  O TREINADOR EDUARDO FEZ VÁRIAS MUDANÇAS PARA O SEGUNDO TEMPO DE JOGO, MUDANÇAS ESSAS QUE SURTIRAM EFEITO E A EQUIPE PODE CHEGAR AO GOL DE EMPATE AOS 35MIN DO SEGUNDO TEMPO, EM JOGADA PELA DIREITA DE ATAQUE GILMAR ACHA JP LIVRE DE MARCAÇÃO NA GRANDE ÁREA,  JP TEM A CALMA DE DOMINAR A BOLA E DE ESQUERDA EMPURRAR PARA OS FUNDOS DOS BARBANTES E DECRETAR 1X1 NO PLACAR DA PARTIDA.

FINAL DE JOGO ATLÉTICO 1X1 BONZÃO

BONZÃO JOGOU COM.

1- JUNIOR
2- NEGO > NILDINHO
3- MAX
4- GERA
5- RODRIGO
6-CLÁUDIO > RUGGIM
7- ALAN PARAÍBA
8-DANIEL > JP
9- ZINHO > DIEGOL
10- TROVÃO > NENEM
11- GILMAR

12- WANDSON
13- DUDA
14- EMANUEL
15- NENEM
16- RUGGIM
17- NILDINHO
18- DIEGO
19- VINICIUS
20- JP

O BONZÃO AGORA ESPERA A DECISÃO DO ADVERSÁRIO,  DATA E LOCAL DE SUA PARTIDA DA SEMI FINAL DO COPÃO SERRANO 2014,  O CLUBE PICUIENSE É A PRIMEIRA EQUIPE DA TERRA DA CARNE DE SOL A CHEGAR A UMA SEMI FINAL DESSA DIFÍCIL COMPETIÇÃO.
Bonzão Futebol Clube - Picui PB

JP marca e Bonzão empata em 1x1 na cidade de Jaçanã - RN e consegue a primeira colocação do grupo Dody Sport do Copão Serrano 2014.
Quem foi ao Estádio Municipal de Jaçanã viu uma excelente partida de futebol, com as duas equipes em busca da liderança no grupo Dody Sport, o Bonzão levou a melhor, após sofrer um gol no primeiro tempo de partida, o treinador Eduardo fez várias mudanças para o segundo tempo de jogo, mudanças essas que surtiram efeito e a equipe pode chegar ao gol de empate aos 35min do segundo tempo, em jogada pela direita de ataque Gilmar acha JP livre de marcação na grande área, JP tem a calma de dominar a bola e de esquerda empurrar para os fundos dos barbantes e decretar 1x1 no placar da partida.
final de jogo: Atlético 1x1 Bonzão
O Bonzão jogou com.
1- Junior, 2- Nego > Nildinho, 3- Max, 4- Gera, 5- Rodrigo, 6-Cláudio > Ruggim, 7- Alan Paraíba, 8-Daniel >JP, 9- Zinho > Diegol, 10- Trovão > Nenem, 11- Gilmar, 12- Wandson, 13- Duda, 14- Emanuel, 15- Nenem, 16- Ruggim, 17- Nildinho, 18- Diego, 19- Vinicius e 20- JP.
O Bonzão agora espera a decisão do adversário, data e local de sua partida da semi final do Copão Serrano 2014, o clube picuiense é a primeira equipe da terra da Carne de Sol a chegar a uma semi final dessa difícil competição.

Matéria e Foto de Halid Mahomed

Adaptado ao Portal Esporte São José do Sabugi

ABC de Natal realizou Torneio de Captação de Atletas em Jaçanã-RN


A Comissão Técnica de base do ABC de Natal realizou mais Torneio de Captação de Atletas, desta vez na cidade de Jaçanã-RN, evento que contou com a participação de Fred Meneses(Diretor de Base), Jonydei Tostão(Treinador do Sub 15 e Sub 17) e Gilmar(Treinador do Sub 20).
O evento foi coordenado por José fabiano e Vilani, treinador da Escolinha Gol de Placa de Jaçanã e contou com a participação de várias escolinhas da região nas categorias Sub 15 e Sub 17.
Alguns atletas foram selecionados pela comissão Técnica de Base do ABC e em breve estarão indo passar por outro período de testes no Mais Querido.
Em conversa com Jonydei Tostão ele falou da falta de ética e profissionalismo de um outro clube da capital Potiguar, que apareceu alguns membros de sua comissão técnica na seletiva que foi realizado pelo ABC e ainda assediou alguns atletas escolhidos.
Como podem ver nas próprias fotos, a seletiva foi realizada pelo ABC, em todas as edições realizadas todos os troféus e medalhas são caracterizados com o escudo do clube.
No mês de março será realizada o 2º Torneio de Captação de Atletas em São José do Sabugi, faltando apenas a confirmação da data para iniciar os convites as escolinhas da região, já estão confirmadas algumas: O Santos de patos, Escolinha do São José de São José do Sabugi, Escolinha Aliança de Santa Luzia, Jardim de Piranhas, São José do Seridó e Junco do Seridó, entre outras da região que já mostraram interesse em participarem.


Escolinha Gol de Placa Sub 15
Escolinha do Flamengo de Cuité
Escolinha de São Vicente do Seridó-PB


Escolinha do Tatá de Cuité
Força Jovem de Lajes Pintadas- Campeão do Sub 17


Escolinha Gol de Placa de Jaçanã  Sub 17














Portal Esporte São José do Sabugi

Fotos: Blog do Gilvan BG

Sem atletas no BID, Miramar joga com garoto de 16 anos e apenas 2 reservas pelo Paraibano


Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com
O Miramar teve sérios problemas para estrear neste domingo no Campeonato Paraibano. Com apenas 13 jogadores regularizados no Boletim Informativo Diário da CBF, a equipe paraibana entrou em campo no Estádio Almeidão, para enfrentar o Auto Esporte, com uma série de jogadores improvisados, um garoto de 16 anos que foi pego das categorias de base da equipe e apenas dois reservas. Destes, nenhum era goleiro e um deles ainda estava machucado, aplicando gelo na virilha enquanto observava o desenrolar do confronto.
 O técnico da equipe, Givanildo Silva, lamentou o ocorrido, mas ponderou que foi uma medida preventiva que a equipe adotou: como o nome de pelo menos cinco jogadores contratados para o campeonato não apareceram no BID a tempo do confronto, eles preferiram não relacioná-los para o jogo, temendo alguma punição futura. E ele admite que a situação é muito ruim para o time:
- A gente sabe que é uma situação complicada. Isto com certeza prejudica a gente, mas o jeito é improvisar – frisou em tom resignado o treinador.
O jeito é improvisar"
Givanildo Silva, técnico do Miramar
O trabalho para escalar a equipe não foi fácil. O lateral-esquerdo Pelado foi improvisado na zaga, que ainda assim seguia incompleta. O jeito foi escalar como quarto zagueiro o volante Carlos André, de apenas 16 anos, que nunca tinha jogado entre os profissionais. E já estreou atuando numa posição que não era a sua.
Auto Esporte x Miramar de Cabedelo, no Estádio Almeidão, pelo Campeonato Paraibano (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com)
Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com
 No banco de reservas, a situação não era menos desoladora. O volante Djavan era o único reserva 100% apto para entrar em campo. Ao lado dele, o atacante Neto Capial, que enquanto a bola rolava aplicava gelo na região da virilha, tentando minimizar os problemas de uma contusão.
- É uma situação inédita – admitiu Givanildo.
Apesar dos problemas de contusão, Capial acabou entrando em campo aos 32 minutos do segundo tempo, indo para o sacrifício e substituindo Laércio. Já Djavan entrou no lugar de Paulinho aos 38 minutos da etapa final.
O Miramar, no entanto, conseguiu equilibrar o jogo contra o Auto Esporte. O Alvirrubro saiu na frente com gol de Jó Boy, aos 17 minutos do primeiro tempo; mas o Miramar empatou logo no primeiro minuto do segundo tempo, com Evandro. Nos minutos finais, contudo, Jó Boy marcou de novo e garantiu a vitória ao Auto.
Por Globo Esporte PB

São José Sub 17 enfrentará Aliança de Santa Luzia do domingo


 A diretoria do São José Futebol Clube confirmou seu primeiro amistoso do ano, será na categoria sub 17 já visando o campeonato que será realizado na cidade de Patos.
A equipe São Joseense enfrentará o Aliança de Santa Luzia no próximo domingo(01). em partida que será realizada no Estádio Domingão em São José do Sabugi com inicio ás 15h30min.
O treinador Nino avisa a todos os atletas que procure o mesmo com a documentação para preencher a Ficha de Inscrição do Campeonato Regional de Patos Sub 17, a competição terá inicio no dia 08 de fevereiro.

Portal Esporte São José do Sabugi

Teve início neste final de semana mais uma edição da Copa dos Campeões de Futebol


A 3ª Copa dos Campeões de futebol  2015 teve seu início  neste último final de semana com dois jogos. No sábado 24, pelo grupo A o São Paulo de Cerro Corá venceu o Tenso de Santana do Matos pelo placar de 2x0 com dois gols de Joel. Já no domingo tivemos pelo grupo B a vitória apertada do Boca Júnior de Cerro Corá sobre o América de Lagoa Nova por 2 a 1. os  gols do jogo foram marcados por  Alcivan e Ciano para o Boca e Marcos descontando para o América em cobrança de falta. A competição tem as participações das seguintes equipes: São Paulo, Boca Júnior e Juventus de Cerro Corá, América e Palmeiras de Lagoa Nova, Flamengo de Tenente Laurentino e Tenso de Santana do Matos.
Veja a classificação após os dois primeiros jogos
Grupo A
1º - São Paulo: 3 Pts (Saldo de 2 gols positivo)
2º - Juventus e Vitória que ainda não jogaram
4º - Tenso : 0 Pt (Saldo negativo de 2 gols)
Grupo B
1º - Boca Júnior: 3 Pts ( Saldo de 1 gol)
2º e 3º : Palmeiras e Flamengo: Ainda não jogaram na competição
4º - América: 0 Pt ( Saldo negativo de 1 gol)






Por Terra da Xelita

25/01/2015

Luto: Morre Neneca, goleiro campeão brasileiro com o Guarani


Londrina, PR, 25 (AFI) – O futebol brasileiro está de luto. Morreu o ex-goleiro Neneca, campeão brasileiro com o Guarani em 1978. Neneca lutava contra um câncer na medula e nos rins. Neneca morreu na madrugada deste domingo no Hospital do Câncer de Londrina e será enterrado ainda neste final de semana.
 O ex-goleiro Neneca será enterrado nesta segunda-feira, às nove horas, no cemitério Parque das Oliveiras, em Londrina.
Batizado Hélio Miguel, Neneca estava com 67 anos e começou sua carreira no Londrina-PR destacando-se pela sua altura já que na ocasião não era comum goleiros altos. Também tinha ótima colocação e reflexos apurados.
Do Londrina, após um período de testes no Santos, Neneca esteve no América Mineiro e firmou-se definitivamente no Náutico, conquistando o título pernambucano em 1974 e chegando a ficar 18 jogos sem tomar gols.
Em 1976 foi negociado com o Guarani, quando atingiu sua melhor fase sendo campeão brasileiro em 1978 formando em um time histórico como Neneca; Mauro (também falecido), Gomes, Edson e Miranda; Zé Carlos, Zenon e Renato; Capitão, Careca e Bozó, com Carlos Alberto Silva sendo o treinador.
Ficou no Guarani até 1980 quando foi vendido para o Operário-MS, retornando ao Londrina e sendo campeão paranaense em 1981.
Depois, em final de carreira, jogou no Fluminense-BA, Bragantino, Votuporanguense e Nove Julho de Cornélio Procópio-PR, onde encerrou a carreira em 1988, passando a fazer jogos exibição da Seleção de Jogadores Veteranos.
Ao encerrar a carreira, trabalhou como treinador de goleiros em alguns clubes como Londrina e nas categorias de base do Guarani e vivia em Londrina.

Agencia Futebol Interior

Sousa vence Lucena e assume liderança do Paraibano, resultados da 2ª rodada



O Campeonato Paraibano teve sequencia neste domingo (25) com a realização de três partidas válidas pela “segunda” rodada.
No Estádio Almeidão tivemos uma rodada dupla. Na primeira partida o Santa Cruz de Santa Rita venceu o Atlético de Cajazeiras por 1 a 0. No segundo jogo, o Auto Esporte venceu o Miramar por 2 a 1.
Já no Estádio Marizão, o Sousa venceu de virada o Lucena por 2 a 1 e assumiu a liderança do Campeonato Paraibano.
Próxima Rodada:
Na próxima quarta-feira, o Auto Esporte vai enfrentar o Atlético de Cajazeiras no Estádio Perpetão. No mesmo dia, o time do Miramar vai encarar o Santa Cruz-PB, em casa. Já o CSP vai receber o Sousa, no Almeidão.
Ficha Técnica: Sousa 2 a 1 Lucena
Campeonato Paraibano: 3ª rodada:
Data: domingo, 25 de janeiro de 2015.
Horário: 16h
Estádio: Marizão
Árbitro: Antônio Umbelino - Caaporã
Assistente Nº 1: Marcio Freire - CG
Assistente Nº 2:  Linaldo Baracho – CG    
Gols:
Sousa: Brasinha (12’ e 25’ do 2º T)
Lucena: Ribinha (9’ do 1º T)
Cartões Amarelos:
Sousa: Israel e William Costa
Lucena: Manu
Sousa
Ricardo, Gilberto Matuto, Jefferson, Ney Carioca e Josivan; Algodão (Israel), Marcos Paulo , Willian Piauí e Brasinha; Junior Mineiro (Rodrigo Poty) e Willian Carioca ( Alysson Costa). Técnico: Pedrinho Albuquerque.
Lucena
Danilo, Zé Wilker, Lúcio, Alemão e Thalison; Marcilio, Júlio Cesar, Glauber ( Luciano Paraíba) e Deda(Ruan); Ribinha e Manú ( Rafael Paraíba). Técnico: Ramiro Souza.
 Ficha Técnica: Santa Cruz-PB 1 a 0 Atlético de Cajazeiras
Campeonato Paraibano: 3ª rodada;
Data: domingo, 25 de janeiro de 2015.
Horário: 16h
Estádio: Almeidão
Árbitro: Clizaldo Luiz Maroja  - JP
Assistente Nº 1: Broney Machado –JP
Assistente Nº 2: Felipe Messias - JP  
Público: Não divulgado
Renda: Não divulgada                               
Gols:
Santa Cruz: Alisson (19’ do 1º T)
Atlético: Não marcou
Cartões Amarelos:
Santa Cruz: Gildo
Atlético: Fernando Pilar e Almir Sergipano
Cartão Vermelho
Santa Cruz: nenhum
Atlético: Carlos Eduardo
Santa Cruz-PB
Léo Russo, Alisson, Ozeas, Michel, Leandro Mendes (Junior), Gildo, Ivan, Théo (Thiago Almeida), Victor Hugo (Marcelo PB), Carlinhos e Eduardo Recife.Técnico: Mirandinha
Atlético de Cajazeiras
Gerson, Marquelino, Dorin, Carlos Eduardo, Cleiton Cearense, Vitoria, Fernando Pilar, Diogo, Almir (Renatinho), Paulista (George) e Geninho (Marquinhos). Técnico: Pedrinho Albuquerque
Ficha Técnica: Auto Esporte 2 a 1 Miramar
Campeonato Paraibano: 4ª rodada:
Data: domingo, 25 de janeiro de 2015.
Horário: 17h30
Estádio: Almeidão
Árbitro: João Bosco Sátiro - JP    
Assistente Nº 1:  Michelson Nóbrega - Guarabira
Assistente Nº 2:  Josiel Ferreira – Pilar      
Gols:
Auto: Jó Boy (17’ do 1º T e aos 48’ do 2º T)
Lucena: Evandro (1’ do 2º T).

Fonte: PB Esportes

Flamengo vence São Paulo por 1 a 0 e se torna o primeiro campeão da Arena da Amazônia


Primeiro tempo terminou em 0 x 0 entre Flamengo e São Paulo no final do torneio Super Series
Uma final mais que eletrizante e inesquecível na Arena da Amazônia, que pela primeira vez viu um campeão levantar a taça dentro do mais imponente estádio do Norte do País. E quis o destino que um dos clubes mais tradicionais do Brasil e de maior torcida, o Flamengo, ficasse eternizado ao levantar a primeira taça dentro do novo estádio com a vitória sobre o São Paulo 1 a 0, na tarde de ontem, e conquistando o título do Torneio Super Series.
O torcedor rubro-negro verdadeiramente se sentiu no estádio do Maracanã - reduto de conquistas do time carioca - e saiu mais que satisfeito com a festa que começou na vitória contra o arquirrival Vasco, na última quarta-feira, e que culminou com tons vermelho e preto regado a troféu e volta olímpica.
O jogo
A qualidade no passe e a velocidade pareciam que iriam ditar o ritmo para o São Paulo. No primeiro minuto em uma jogada rápida, o torcedor do Tricolor Paulista viu o meia Michel Bastos tabelar com Luis Fabiano e se aproximar com perigo da área, sem resultar em gol.
Depois, o que se viu foi o Rubro-Negro tomar as iniciativas.  A pressão na marcação, diminuindo o poder de passe do Tricolor, surtiu efeito. Aos dois minutos, Arthur Maia cobrou falta pela lateral direita no canto baixo de Rogério Ceni, que espalmou e, no rebote, Marcelo Cirino, com o gol escancarado, não concluiu.
Mais coordenado, o Fla criou mais jogadas e passou rondar  a área de Rogério Ceni, mas a ineficiência do ataque carioca não resultou em gols. Se estava calor para as equipes, uma chuva forte caiu no estádio, o que não impediu o São Paulo de arriscar um chute com Reinaldo. No lance seguinte, com a melhor oportunidade no jogo, Arthur Maia se livrou de Edson e, na conclusão, Ceni defendeu. O Tricolor somente voltou a assustar o goleiro Paulo Victor, aos 43 minutos. Maicon impediu o contra-ataque ao roubar a bola de Cárceres, deixando Thiago Mendes cara a cara com Paulo Victor - mas ele mandou a bola para as redes pelo lado de fora.
Na segunda etapa, as três substituições, além das entradas de Alan Kardec, Alexandre Pato e a sensação Jonathan Cafu (contratado para ser a peça de velocidade pela lateral) não deram certo.
E o Flamengo chegou ao gol. E não veio por meio dos atacantes. O zagueiro Samir foi o responsável pelo gol do título aos 32 minutos ao receber um cruzamento de Luiz Antonio de perna esquerda e escorar para o gol: 1 a 0. Aos 47, Alexandre Pato ainda teve um chute que raspou a trave de Paulo Victor. Flamengo campeão!

Fonte: Acritica.uol.com.br

Corinthians vence Botafogo-SP e conquista o 9º título da Copa São Paulo de Juniores



São Paulo, SP, 25 (AFI) – A 46ª edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior começou com 104 times no dia 5 de janeiro e, neste domingo, aniversário da cidade de São Paulo, terminou com o título invicto e a vitória do Corinthians sobre o Botafogo-SP, por 1 a 0, no estádio do Pacaembu.
Foram oito jogos e oito vitórias do Corinthians na Copa São Paulo. O gol do título foi marcado por Maycon, no segundo tempo, após chute de fora da área e colaboração do goleiro Talles, que não conseguiu segurar a bola. O Corinthians também teve teve a melhor defesa e o melhor ataque da Copinha com apenas quatro gols sofridos e 26 gols marcados.
O Corinthians aumentou a vantagem para o Fluminense com relação ao número de títulos conquistados da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Agora, o alvinegro possui nove títulos, contra cinco da equipe carioca. O Internacional é o terceiro time com mais títulos da Copinha, já que venceu quatro vezes. Já o Botafogo-SP fica, mais uma vez, com o vice da Copa São Paulo, já que em 1983 perdeu para o Atlético-MG por 2 a 1 na decisão.
Ao longo desta edição foram disputados 187 jogos, com 611 gols marcados e uma média superior a 3.2 gols por partida. Além disso, a artilharia foi dividida entre três jogadores: Gabriel Vasconcelos, do Corinthians, Isaac, do Botafogo-SP, e Santiago, do São Caetano.
O JOGO
Com a melhor campanha da Copinha e contando com o apoio da torcida que compareceu em peso ao Pacaembu, o Corinthians iniciou a partida tomando as ações ofensivas e com maior posse de bola. No decorrer da etapa inicial o alvinegro chegou a ter 65% da posse de bola.
Esse fato, porém, não significava que o time levava perigo ao gol do Botafogo-SP. Mais recuado, a equipe do interior paulista tentava se aproveitar dos contra-ataques, e foi através de uma falta sofrida após chegar ao ataque que o gol quase saiu.
Corinthians e Botafogo-SP fizeram belo jogo na final da Copa São PauloAlex cobrou falta com perfeição e carimbou a trave esquerda do goleiro do Corinthians. No rebote a bola voltou nos pés de Túlio Souza que, sozinho e com Caíque França fora da jogada, finalizou por cima do gol.
Corinthians e Botafogo-SP fizeram belo jogo na final da Copa São Paulo
Após o susto, o Corinthians voltou a dominar a partida e teve duas boas chances de gol antes do apito final. A primeira veio com Gabriel Vasconcelos, mas o atacante finalizou fraco e Talles defendeu sem problemas. Depois, Matheus Vargas encontrou Yan livre dentro da área e o jogador finalizou rente à trave, perdendo a melhor chance alvinegra.
Logo no começo da etapa final o Corinthians fez o goleiro Talles trabalhar. Yan acertou um lindo chute de fora da área e o arqueiro salvou a bola que entraria no ângulo esquerdo. No lance seguinte, Talles teve que sair da área para atrapalhar a chegada ofensiva do Corinthians com Gabriel Vasconcelos.
No lance seguinte quem quase marcou foi o Botafogo-SP. Após cobrança de escanteio, Caíque França espalmou a bola, que bateu na trave e, depois, o goleiro precisou dar um chute para evitar que o gol adversário.
O gol do título do Corinthians saiu dos pés de Maycon, que contou com a ajuda do goleiro Talles. O meia finalizou de fora da área, aparentemente sem força, mas o arqueiro não conseguiu segurar a bola. Talles, destaque do Botafogo-SP diante do Palmeiras e que salvou o time na partida, falhou.
Precisando do gol de empate para levar a partida para os pênaltis, o Botafogo-SP se lançou ao ataque, mas só colocou Caíque França para trabalhar após chute de Erik. Já o Corinthians, com o placar a seu favor, trocava passes no meio de campo e deixava o tempo passar para comemorar o nono título da Copinha ao final da partida. 

Agencia Futebol Interior

Sousa e Lucena lutam pela liderança do Paraibano neste domingo no Marizão

 
Foto: Jefferson Emmanuel / GloboEsporte.com
Um duelo nesta rodada do Campeonato Paraibano promete ser eletrizante. Vitoriosos na estreia, Sousa e Lucena se enfrentam neste domingo, às 16h, no Estádio Marizão, em Sousa, na luta pela liderança da competição. Como o CSP, que também venceu na rodada inaugural, folga hoje, quem ganhar o confronto assume a ponta da tabela.
Na partida desta tarde, o Dinossauro espera mais uma vez aproveitar o fator campo para alcançar o objetivo, já que vem de triunfo sobre o Auto Esporte por 1  a 0. Já o Tubarão do Norte quer voltar do Sertão com mais um resultado positivo. Isso porque, em sua estreia na elite, o time superou o Atlético de Cajazeiras por 3 a 2, no Estádio Amigão, onde vem mandando seus jogos.
A ansiedade da estreia passou. Agora, esperamos que nesta segunda rodada, meu time possa se soltar mais"
Pedrinho Albuquerque, treinador do Sousa
Pelo lado do Sousa, o treinador Pedrinho Albuquerque espera que sua equipe apresente um melhor futebol, em relação ao que foi praticado na estreia diante dos automobilistas.
- A ansiedade da estreia passou. Agora, esperamos que nesta segunda rodada, meu time possa se soltar mais. Quero ver todo mundo se doando ainda mais em campo, para conquistar mais três na tabela. No entanto, temos que tomar nossas precauções, porque o Lucena já apresentou seu cartão de visita no campeonato - comentou o orientador alviverde, se referindo à vitória conquistada pelo time do litoral sobre o Atlético.
Ramiro Sousa, técnico do Lucena (Foto: João Brandão Neto / GloboEsporte.com/pb)
Foto: João Brandão Neto / GloboEsporte.com/pb
Para o confronto de logo mais, Pedrinho vai manter a mesma equipe do jogo anterior. Durante os treinamentos da semana, o comandante sousense procurou ajustar as peças para que o time consiga a segunda vitória no estadual.
Do lado do Lucena, o time entra em campo disposto a provar que a vitória sobre o Atlético, na estreia, não foi obra do acaso. O experiente técnico Ramiro Souza sabe que enfrentar o Sousa no Sertão não é tarefa fácil, mas espera que a equipe mantenha a mesma pegada para conquistar outro grande resultado no torneio.
- Eu sei o que é enfrentar o Sousa. Ainda mais em seu estádio. Então, vamos procurar jogar com cautela, para tentar sair de lá com mais um bom resultado neste início de campeonato - enfatizou o treinador.
Sem problemas de ordens médica e disciplinar, Ramiro repete a mesma formação que venceu o Trovão Azul por 3 a 2 domingo passado. Uma das apostas do Tubarão contra o Sousa, é o meia-atacante Ribinha, que marcou dois gols na partida de estreia e já desponta na luta pela artilharia do torneio. 
Sousa x Lucena
(Ricardo, Gilberto Matuto, Jefferson, Ney Carioca e Josivan; Algodão, Marcos Paulo, William Piauí e Willian Carioca; Júnior Mineiro e Brazinha)
(Danilo, Zé Wilker, Marcone, Alemão e Talisson; Marcilio, Júlio César, Dinho e Deda; Ribinha e Manú)
Técnico:  Pedrinho Albuquerque
Técnico:  Ramiro Souza
Arbitragem:  Antônio Umbelino, Márcio Freire e Linaldo Baracho
Horário:  16h
Local:   Estádio Marizão

Por Globo Esporte PB