24/01/2015

Botafogo-PB goleia Alecrin-RN no Almeidão em seu ultimo amistoso da pre temporada


Botafogo-PB – Em Pé: Genivaldo, Aléx Cazumba, Carlinho Rech, Rafael Oliveira, Roberto Dias, 
Luciano (Prep. Físico) e Alexandre Duarte (Prep. Físico). Agachados: Doda, Toty, Bismarck, 
Chapinha, Zaquel e Guto. – Amistoso Interestadual – Botafogo-PB 6x0 Alecrim-RN – 
Estádio Almeidão (24/01/2015).
O torcedor que compareceu ao Estádio Almeidão, na tarde deste sábado (24), gostou do que viu, porque o time do Botafogo não só venceu a equipe do Alecrim, mas, convenceu o torcedor de que o time está pronto para estrear no Campeonato Paraibano e Copa do Nordeste.
Com a evolução do conjunto no decorrer desta pré-temporada, onde o time do Botafogo já havia empatado os dois primeiros amistosos e vencido os dois últimos, era de se esperar uma apresentação com mais entrosamento entre os comandados do professor Vilar.
Dessa forma, não deu outra, o time jogou bem e venceu o primeiro tempo com folga, por 2 a 0. Para o segundo tempo, o time do Botafogo se manteve no comando da partida e conseguiu converter mais quatro oportunidades. Final: Botafogo-PB 6x0 Alecrim-RN.
O Jogo
O Botafogo inicia a partida indo pra cima do time do Alecrim, entretanto, não consegue êxito na conclusão das jogadas iniciais.
Aos 19’, o volante Hugo do Alecrim sentiu um desconforto muscular, para o seu lugar, o treinador Anthoni Santoro promoveu a entrada do atacante Eliabe.
O time potiguar resistiu a pressão do Botafogo até os 26’, quando o atacante Rafael Oliveira aproveitou de cabeça um belo cruzamento do meia Bismarck, para abrir o marcador, Botafogo 1x0 Alecrim.
Mais um do incrível Belo, mais um do RafaGOL, aos 33’, desta vez foi o meia Chapinha quem levantou a pelota na cabeça do atacante Rafael Oliveira, que não perdoou, e pela segunda vez consecutiva balançou as redes do Alecrim, Botafogo 2 a 0.
Aos 37’, o treinador do Alecrim procurou fechar mais o setor de meio, sacou o meia Lucas Patinho para a entrada do volante Arez.
Pelo lado do Botafogo, o time continuou jogando fácil, dando um show no toque de bola, envolvendo o time adversário, que não conseguia sair do sufoco.
Apesar do maior volume de jogo, o time do Botafogo não mais conseguiu mexer no placar até o final do primeiro tempo.
Segundo Tempo
Para a etapa complementar, o time do Alecrim voltou com duas substituições, saíram Fernandes e Tiago Mattos, para as respectivas entradas de Léo Arantes e Anderson. Já o time do Botafogo voltou com a mesma formação que terminou o primeiro tempo.
Aos 13’, para alegria geral do Torcedor Botafoguense, Rafael Oliveira marcou o seu terceiro gol na partida. Botafogo 3x0 Alecrim.
Após o terceiro gol do Botafogo, o treinador do Alecrim realizou a substituição simultânea de mais da metade do seu time.
Pouco tempo depois, foi a vez de o treinador do Botafogo mudar todo o time, entretanto, a pressão continuou e o Alvinegro Paraibano chegou a balançar as redes do Alecrim por mais três vezes, aos 37’, através de Juninho Cabral, que tocou na saída do goleiro com bastante qualidade; aos 43’, com o atacante Jonatas Belusso, que deixou a sua marca em grande estilo; e aos 48’, através do mexicano Hernandez, que fechou a goleada (6 a 0). 
Com o trilho final do apito do Sr. Gutemberg Pereira, o time do Botafogo também encerrou a sequência de jogos amistosos realizados nesta pré-temporada, quando empatou por duas vezes com o Globo-RN (2 a 2 e 0 a 0); venceu o Potiguar de Mossoró-RN (1 a 0); o América de Natal-RN (1 a 0) e o Alecrim de Natal-RN (6 a 0). 
O próximo compromisso do Botafogo-PB será válido pelo Campeonato Paraibano, é a estreia do Belo diante o Miramar de Cabedelo, programada para as 18h do sábado, 31 de janeiro, no Estádio José Américo de Almeida Filho (O Almeidão). No decorrer da semana o Portal Botashow estará divulgando todos os detalhes que antecedem este grande jogo.
Ficha Técnica
Jogo: Botafogo-PB 6x0 Alecrim de Natal-RN;
Competição: Amistoso Interestadual (Pré-temporada 2014/2015);
Local: Estádio José Américo de Almeida Filho (O Almeidão) – João Pessoa-PB;
Data: 24/01/2015;
Hora: 16h00;
Público: 415;
Renda: R$ 5.700,00.
Arbitragem:
Árbitro Central: Gutemberg Pereira (PB);
Árbitro Assistente 1: Tarcísio José (PB);
Árbitro Assistente 2: Geovani Silva (PB);
Quarto Árbitro: Wagner Venceslau (PB).
Gols:
Botafogo: Rafael Oliveira (26’ e 33’ – 1ºT) e (13’ – 2ºT); Juninho Cabral (37’ – 2ºT); Jonatas Belusso (43’ – 2ºT) e Hernandez (48’ – 2ºT).  
Cartão Amarelo:
Botafogo: Hércules (33’ – 2ºT). 
Cartão Vermelho: Sem ocorrência.
Formações:
Botafogo: 1 – Genivaldo (12 – Edson – 30’_2ºT); 2 – Toty (14 – Lucas Mendes – 22’_2ºT); 3 – Carlinho Rech (18 – Wesley – 23’_2ºT); 4 – Roberto Dias (23 – Mauro – 26’_2ºT); 6 – Alex Cazumba (19 – Glaybson – 21’_2ºT); 5 – Zaquel (20 – Nata – 26’_2ºT); 7 – Chapinha (17 – Juninho Cabral – 26’_2ºT); 8 – Guto (22 – Hernandez – 25’_2ºT); 11 – Doda (16 – Fábio Gama – 25’_2ºT); 10 – Bismarck (15 – Hércules – 26’_1ºT) e 9 – Rafael Oliveira (21 – Jonatas Belusso – 20’_2ºT). Técnico: Marcelo Vilar.
Alecrim: 1 – Fabiano  (12 – Danilo – 24’_2ºT); 2 – Fernandes (15 – Leo Arantes – Intervalo); 3 – Olávio; 4 – Emerson  (13 – Pedro – 16’_2ºT); 6 – Diego Maia; 5 – Tiago Mattos (08 – Anderson – Intervalo); 7 – Vitor Hugo  (05 – Rodrigo – 15’_2ºT); 8 – Hugo (16 – Eliabe – 19’_1ºT); 10 – Lucas Patinho (14 – Arez – 37’_1ºT); 11 – Yguinho  (17 – Quirino – 15’_2ºT) e 9 – Felipe Moreira. Técnico: Anthoni Santoro.

Por Fábio Fernandes
Botashou

Atlético de Cajazeiras pode anunciar três reforços Segunda-Feira


Em conversa por telefone com a reportagem do Futebol Total Aqui, um dos atletas que poderá ser apresentado Segunda-Feira em Cajazeiras, confirmou que só está faltando assinar o contrato para sua contratação ser oficializada. 

Trata-se de três atletas conhecidos da Nação Atléticana, são eles o atacante França e o meia Cleitinho, ambos estão no São Benedito do Ceará e estão tentando uma liberação do clube cearense para desembarcar em Cajazeiras Segunda-Feira e se integrar ao restante do plantel Atléticano.

A outra contratação seria de um zagueiro, que pode ser de um profissional que já vestiu a camisa do Atlético também, trata-se do defensor Paulo Maranhão que esteve no Trovão Azul na temporada de 2013. 

Em busca da primeira vitória no estadual, o Atlético encara o Santa Cruz de Santa Rita, neste Domingo, no estadio Almeidão em João Pessoa, a partir das 15:15, com transmissão em tempo real pela pagina do Futebol Total Aqui no Facebook. 

Futebol Total Aqui

E.C. Vitória-PB viaja neste domingo para Copa Supergol em Baía Formosa-RN


O E.C. Vitória-PB, equipe comandada por clerson do Carmo e que vem sempre fazendo campanhas nas competições de base do Nordeste, inclusive conquistando títulos, viaja neste domingo(25) para mais uma grande competição, trata-se da Copa Supergol que será realizada em Baía Formosa-RN, copa organizada por Jamir esporte.
O E.C. Vitória-PB sai de João Pessoa neste domingo ás 18h00min, e vai estrear na competição na segunda(26) enfrentando a forte equipe do CSA de Alagoas ás 10h00min da manhã.
A delegação viajará com 22 pessoas, sendo 17 jogadores e 05 que fazem parte do comissão técnica.

Portal Esporte São José do Sabugi

Time infantil do Botafogo-PB viaja para Copa Supergol no Rio Grande do Norte

Campeão em 2012, o Botafogo-PB tenta repetir o feito e conquistar a Copa Super Gol  (Foto: Divulgação / Botafogo-PB)
O time sub-15 do Botafogo-PB viaja neste domingo para disputar a Copa Super Gol, em Baía Formosa, litoral do Rio Grande do Norte. O Belo volta a participar do torneio em que sagrou campeão em 2012, batendo grandes equipes do Nordeste, como CRB e América-RN. 
O time paraibano estreia justamente neste domingo, diante da seleção local. A partida será disputada no Estádio Municipal. A edição de 2015 da Copa Super Gol ainda conta com outras equipes de tradição, como ABC, CRB e Corinthians-AL.
O sub-15 do Belo também é o atual campeão da Copa Paraíba. Em 2014 o alvinegro da estrela vermelha venceu a final disputada contra o CSP por 1x0.

Por Globo Esporte PB

Flamengo intensifica conversas e aguarda Flu para fechar com Cícero


Volante Cícero está perto de trocar o Tricolor pelo time rubro-negroApesar de toda a mobilização de torcida e parte da diretoria em torno da complicada negociação por Montillo, a cúpula do Flamengo não tira o olho de outras conversas por reforços. Uma delas é com o volante Cícero, tratado como prioridade pelo departamento de futebol.
Apesar dos sinais positivos de jogador e Unimed, que detém os direitos econômicos do volante, a diretoria do Flamengo ainda aguarda o retorno dos cartolas do Fluminense que estão nos Estados Unidos para dar continuidade às conversas sobre Cícero.
Após boas conversas com o agente do jogador, Eduardo Uram, e com o presidente da Unimed, Celso Barros, a cúpula rubro-negra aguarda as chegadas do vice-presidente de futebol do Fluminense, Mário Bittencourt, e do diretor executivo tricolor, Fernando Simone. Ambos estão em Orlando tratando do futuro de outros jogadores.
Mesmo otimista, o clube da Gávea sabe que não haverá acordo sem o aval do Fluminense.
Bittencourt e Simone já sinalizaram ao Flamengo que estão abertos a conversas por Cícero, mas alegaram que as negociações pela saída de Darío Conca para a China e a permanência de Fred nas Laranjeiras são prioridades no momento. O Fluminense ainda aguarda outras definições no elenco para intensificar as negociações com o Rubro-negro.
A expectativa na Gávea é que as conversas evoluam no início da próxima semana. Cícero já sinalizou que tem vontade de deixar o Fluminense e atuar no rival rubro-negro, e agora as outras partes envolvidas.
A ideia inicial é que a Unimed repasse o jogador ao Flamengo, mas permaneça com o controle dos direitos econômicos e assuma uma pequena parte do salário. O Rubro-negro, que ofereceu um salário de R$ 280 mil, ficaria com a maior parte dos vencimentos. Tal acordo, no entanto, ainda está em fase final de discussão.
Com a proposta em mãos, o Fluminense acompanha de longe as conversas entre Flamengo e Unimed. Sem se opor ao acordo, o clube entende que a negociação de Cícero seria uma boa para o clube das Laranjeiras, visto que o volante não goza de prestígio com o técnico Cristóvão Borges e com outros líderes do elenco tricolor.
Após amargar uma lesão na coxa no final de 2014, Cícero nem viajou com o Fluminense para o período de preparação nos Estados Unidos. O volante ficou no Rio de Janeiro realizando trabalho de reforço muscular. Neste período, ele e seu representante conversaram com Unimed e Flamengo. A tendência é que um desfecho ocorra na próxima semana e o atleta tenha um novo time no Rio de Janeiro.

UOL

FPF planeja retorno do Campeonato Paraibano Feminino para este ano


Kashima é o último campeão paraibano de futebol feminino. Última edição foi em 2012 (Foto: Larissa Keren / Globoesporte.com/pb / Arquivo)
Parece que a Federação Paraibana de Futebol (FPF) vai voltar os olhos para o futebol feminino do estado em 2015. Isto por que, segundo o diretor técnico, Antônio Baza, a realização do Campeonato Paraibano da modalidade está nos planos da entidade. Segundo ele, será realizada uma reunião com os clubes interessados, no mês de fevereiro, para acertar a data de início e o regulamento do torneio.
- Nós colocamos a competição no nosso calendário deste ano. Mas vamos fazer uma reunião com os clubes primeiro. Neste encontro, vamos tentar acertar os detalhes com eles para saber se vamos realizar o Paraibano no primeiro semestre ou no segundo. Tradicionalmente, times como Kashima, Botafogo e Portuguesa de Cruz das Armas participam da competição e vamos tentar que mais times participem – afirmou.

O diretor técnico da FPF disse ainda que a entidade pretende também buscar patrocínio para a realização da competição. De acordo com ele, diferente dos outros anos, a Federação vai entrar em contato com o poder público e com representantes da iniciativa privada para apoiar o torneio.
A última edição da competição foi realizada em 2012, em que o Kashima se sagrou campeão em cima do Clube Cabo Branco.
Paraíba não vai participar da Copa do Brasil de Futebol Feminino
Antônio Baza também lamentou a falta de um representante paraibano na Copa do Brasil de Futebol Feminino. Segundo ele, a FPF não pôde indicar um time para a competição deste ano, porque não foi realizado um torneio seletivo aqui na Paraíba em 2014.   

Por GloboEsporte.Com
João Pessoa

Com belo gol de artilheiro, Brasil bate Colômbia e termina 1ª fase com vitória no Sulamericano Sub 20


Marcos Guiherme comemora gol do Brasil contra a Colombia (Foto: Agência Reutes)
Foto: Agência Reuters
Marcos Guilherme precisou de dois minutos para mostrar por que é o artilheiro da Seleção no Sul-Americano sub-20. Depois de ser poupado pelo técnico Alexandre Gallo e começar o jogo no banco, o atacante do Atlético-PR entrou em campo aos 28 do segundo tempo e, aos 30, acertou um belo chute para garantir a vitória por 2 a 1 sobre a Colômbia, na última rodada da primeira fase do torneio. Thalles abriu o placar para o Brasil, e Manotas fez o gol colombiano.
Com o resultado, o Brasil sobe para a segunda colocação do Grupo B com nove pontos, e encara o Uruguai na próxima segunda-feira, às 20h (de Brasília), na primeira rodada do hexagonal final. A Colômbia ficou na terceira posição do grupo, com seis pontos, e também está classificada para a próxima fase.
Já classificados, Brasil e Colômbia pouparam muitos titulares e tiveram dificuldades para criar chances no primeiro tempo. Eduardo Henrique teve grande chance, mas bateu fraco após receber passe de Yuri Mamute em ataque rápido aos 18 minutos. Dez minutos depois, a Colômbia também ameaçou no contra-ataque, mas a arbitragem marcou impedimento duvidoso de Manotas, que entrava cara a cara com o goleiro Marcos.
Buscando mais o ataque, mesmo que sem muito perigo, o Brasil conseguiu abrir o placar aos 42. Malcolm cobrou escanteio, a bola desviou em jogadores dos dois times e sobrou para Thalles, que cortou de perna esquerda e soltou a bomba de direita para fazer 1 a 0.
Thalles teve a chance de ampliar logo no início do segundo tempo, mas chutou por cima. A Colômbia não desperdiçou sua chance. Aos 5 minutos, Zapata tocou para Manotas, em posição duvidosa nas costas da defesa, e o atacante tocou na saída de Marcos para empatar.
A partida ficou aberta, com o Brasil buscando o ataque, e os colombianos levando muito perigo no contra-ataque, como na chance de Joao Rodríguez aos 14 que Marcos salvou com o pé. Alexandre Gallo então fez suas substituições, e a terceira delas foi a que mais deu certo. Dois minutos depois de entrar em campo, Marcos Guilherme recebeu de Walace e chutou colocado para marcar um belo gol aos 30. Em vantagem, a Seleção gastou o tempo e não correu riscos para assegurar o triunfo.


Por Globo Esporte

TAÇA SUPER SÉRIES: São Paulo derrota o Vasco em Manaus e disputa o título com o Flamengo no domingo


Manaus, AM, 23 (AFI) - O São Paulo mostrou que a base de 2014 pode render alegrias aos torcedores nesta temporada. Na noite desta sexta-feira, na Arena Amazônia, em Manaus, o Tricolor mostrou solidez do meio para frente e derrotou o Vasco, por 2 a 1, pela segunda rodada da Taça Super Series. No próximo domingo, o Tricolor disputa o título contra o Flamengo.
Apesar da vitória, o São Paulo mostrou que precisa corrigir alguns pontos antes da estreia da Libertadores, principalmente a cobertura dos laterais. Carlinhos e Bruno, estreantes da noite, deixaram bastante espaço na marcação e complicaram para a dupla de zaga. Já o Vasco deu mostras, mais uma vez, de que irá sofrer caso não se reforce. O time criou mais em falhas defensivas do adversário do que em jogadas trabalhadas. Os cariocas se despedem do torneio amistoso em Manaus com duas derrotas contra adversários que também disputarão o Brasileirão.
O JOGO
Mesmo sem a presença de Muricy Ramalho no banco de reservas, o Tricolor começou a partida com tudo e carimbou a trave de Martín Silva logo a um minuto, em cabeçada de Michel Bastos após cruzamento de Carlinhos pelo lado esquerdo.
A cobertura da lateral, no entanto, mostrou-se um problema, pois logo em seguida, Bernardo conseguiu lançar Rafael Silva nas costas de Carlinhos e Rogério Ceni precisou fazer boa defesa em finalização do camisa 9 vascaíno para evitar o gol carioca. Apesar de encontrar problemas pelas laterais, o São Paulo leva perigo muito por conta do entrosamento do meio para frente.
Ganso, Michel Bastos, Alan Kardec e Luis Fabiano exigiram duas boas defesas do goleiro Martín Silva antes dos dez primeiros minutos. Aos 13 minutos, no entanto, o camisa 1 não pode fazer nada. Bastos recebeu na entrada da área pelo lado direito e acionou Fabuloso. Dentro da área, o atacante mostrou o faro de gol de sempre e deixou sua marca. Em sua temporada de despedida, Rogério Ceni mostrou porque ainda tem a confiança de toda torcida são-paulina e do técnico Muricy Ramalho. O goleiro quarentão apareceu bem duas vezes, primeiro em finalização de Rafael Silva, depois em lançamento longo feito por Marcinho.
AGORA VAI...
Sofrendo para encaixar o sistema de marcação contra a chegada dos meias são-paulinos, o Vasco aproveitou um contra-ataque para deixar tudo igual aos 32 minutos. Após desarme de Luan no campo de ataque, Marcinho recebeu em velocidade pelo lado direito e cruzou rasteiro. Montoya e o lateral Bruno dividiram dentro da pequena área e a bola morreu no fundo das redes.

Nos vestiários, os dois treinadores acertaram o sistema de marcação e a partida caiu de rendimento no segundo tempo. Apesar do São Paulo ter mais a posse de bola e buscar o jogo, o time praticamente não finalizou. Ao contrário da primeira etapa, Rogério Ceni e Martín Silva foram meros espectadoresA única chance clara de gol saiu dos pés de Luis Fabiano. O atacante brigou com a defesa após cruzamento da direita, ficou bom a bola e bateu cruzado. O chute saiu mascado, mas passou muito perto do poste de Martín Silva, que caiu e não chegou na bola.
Com enormes dificuldades em penetrar na defesa adversária, restou ao São Paulo decidir a partida em jogada de bola parada. Aos 31 minutos, em cobrança de falta pela esquerda, Ganso cobrou em direção à área e Souza apareceu de frente para o goleiro Martín Silva para cabecear para o fundo das redes. Com um jogador a menos e sem pretensões, o Tricolor ainda carimbou a trave com Thiago Mendes. 
Vasco da Gama-RJ
Martín Silva;
Jean Patrick (Nei), Luan, Rodrigo e Christiano;
Sandro Silva (Julio dos Santos), Lucas (Victor Bolt) e Bernardo (John Cley);
Montoya (Marquinhos), Marcinho (Yago) e Rafael Silva.
Técnico: Doriva
São Paulo-SP
Rogério Ceni;
Bruno, Rafael Toloi, Edson Silva (Lucão) e Carlinhos (Reinaldo);
Denilson (Antônio Carlos), Souza, Michel Bastos (Thiago Mendes) e Ganso;
Alan Kardec (Maicon) e Luis Fabiano (Alexandre Pato).
Técnico: Milton Cruz (interino)
 
Agencia Futebol Interior

23/01/2015

Em boletim, hospital afirma não ter previsão de alta para Muricy Ramalho


Foto: Marcos Ribolli
Internado desde a última quinta-feira, por conta de uma diverticulite (infecção nos divertículos, no intestino grosso), o técnico do São Paulo, Muricy Ramalho, ainda não tem previsão de alta. É o que informa o boletim médico do Hospital São Luiz.
De acordo com o comunicado divulgado no fim da tarde desta terça-feira, Muricy está em evolução e passa bem. Só que ainda não é possível pensar na saída do hospital. Inicialmente, segundo o médico do Tricolor, José Sanchez, o treinador teria de ficar, pelo menos, três dias internado.
Muricy Ramalho foi internado na manhã da última quinta-feira, no Hospital São Luiz, em São Paulo, depois de chegar ao local com dores abdominais. Ele foi diagnosticado após alguns exames.
Sem poder viajar para Manaus, onde o São Paulo disputa um torneio com Vasco e Flamengo, ele será substituído pelo auxiliar técnico Milton Cruz.
No ano passado, Muricy também sofreu com problemas de saúde. Em setembro, ele passou quatro dias internado por conta de uma arritmia cardíaca. Em razão disso, não trabalhou nas partidas contra Fluminense e Grêmio, pelo Campeonato Brasileiro, e Huachipato, na Copa Sul-Americana. Naquela ocasião, em pouco menos de duas semanas de afastamento, que incluíram descanso em casa, também foi substituído por Milton Cruz.
Veja abaixo o segundo boletim médico divulgado pelo Hospital São Luiz:
São Paulo, 23 de janeiro de 2015

O Hospital São Luiz Morumbi informa que o técnico do São Paulo Futebol Clube, Muricy Ramalho, continua internado e apresenta boa evolução. O paciente está sob os cuidados do médico-cirurgião Alexander Morrel.  Até o momento não há previsão de alta.

Diretoria Médica do Hospital São Luiz – Morumbi


Por Globo Esporte

TJD-PB vai analisar possível escalação irregular na estreia do Auto Esporte


Foto: Reprodução/TV Cabo Branco
O Tribunal de Justiça Desportiva da Paraíba recebeu nessa quinta-feira uma denúncia do Miramar, alegando que o Auto Esporte teria escalado de forma irregular o atacante Júnior Mandacaru, no jogo de estreia do Campeonato Paraibano deste ano, que aconteceu no último domingo, contra o Sousa, no Estádio Marizão.
O presidente do TJD-PB, Lionaldo Santos Silva, intimou o Auto Esporte, o atleta e o procurador-geral Said Abel da Cunha para se manifestarem sobre o caso.
De acordo com a denúncia, a escalação do atacante vai contra o artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que trata da escalação de atletas irregulares. A pena, segundo o artigo, é a perda do número máximo de pontos atribuídos a uma vitória no regulamento da competição, independentemente do resultado da partida. Além disso, também perde os pontos conquistados no jogo. Como o Auto foi derrotado pelo Sousa, o clube perde apenas três pontos. 

Por Globo Esporte PB

Band faz do vôlei a sua nova aposta dos sábados


Numa triangular que envolve Globo e a CBV – Confederação Brasileira de Vôlei, a Bandeirantes está muito próxima de fechar acordo para transmitir as principais competições do vôlei masculino e feminino do Brasil.
A conversa, é bom que se esclareça, também inclui os jogos da Liga Mundial dos homens e o Grand Prix das mulheres. Tudo está sendo feito para que nada possa causar algum conflito nos interesses das duas emissoras.
Na Band, após sua direção ter realizado pesquisas e discutido o assunto, chegou-se à conclusão que a colocação de uma programação esportiva de qualidade aos sábados, faixa da tarde, é o que melhor poderá atender o seu telespectador.
E se considerou que o vôlei, de todos os esportes e já de algum tempo, é a modalidade que, depois do futebol, melhor receptividade encontra junto ao público.

UOL

Brasil vence o Chile e passa às oitavas do Mundial de Handebol, vai enfrentar a Croácia


DOHA - O passaporte para as oitavas de final do Mundial Masculino de Handebol está carimbado, mas custou caro, e a seleção brasileira teve de suar muito para conquistá-lo, ao superar a fraca seleção do Chile nesta sexta-feira, no Lusail Multiporpose Hall, em Doha, por um 30 a 22 que não dá ideia do quanto o jogo foi difícil. O artilheiro do Brasil e do jogo foi Zeba, com sete gols. Agora, no próximo domingo, em horário a ser anunciado, a seleção brasileira terá pela frente outro gigantesco desafio, o de tentar superar a Croácia, líder do Grupo B e uma das favoritas à luta por medalhas nesta competição.
Há uma explicação para que o passaporte brasileiro tenha demorado a ser expedido. A fotografia apresentada nesta sexta-feira não conferia com a imagem da seleção no campeonato, mesmo em jogos em que foi derrotada, como para a Espanha e a Eslovênia, em que perdeu jogando bem.
Irreconhecível, para dizer o mínimo, foi o desempenho da seleção brasileira ao longo da maior parte do primeiro tempo. Desatento ou talvez achando que fosse ganhar o jogo quando e como quisesse, o time verde e amarelo assistia ao Chile jogar. Tanto que com gols de Frelijj (dois), Caniu, Ceballos e E. Salinas, os chilenos abriram três gols de vantagem, em 5 a 2. Mesmo após o pedido de tempo do técnico Jordi Ribera, o que se via era a seleção brasileira dispersiva como ainda não se tinha visto neste campeonato. Errava quase tudo e quando fazia os arremessos, ficava nas mãos do goleiro chileno Barrientos ou acertava a trave. Estava fácil para o Chile que reabriu três pontos de frente em 8 a 5 e sempre se manteve na frente. O máximo que o Brasil conseguia era empatar, sem trer estado na frente no placar em momento algum dos 30 minutos da primeira etapa. A situação só não foi pior para os brasileiros, porque Cesar Bombom, apesar de ter falhado em alguns momentos, defendeu um penalti cobrado por R. Salinas. O primeiro tempo foi mesmo do Chile: 13 a 12.
Na primeira metade da partida, o Brasil estava claramente tenso, pela necessidade de ganhar um rival para o qual jamais perdera na história e assim, garantir a vaga nas oitava de final. Na volta do intervalo, o técnico Ribera começou com Cândido na ponta direita, em lugar de Chiuffa, e a princípio, deu certo. Com dois minutos da segunda etapa, Cândido assinalou e pôs o Brasil na frente pela primeira vez no jogo: 15 a 14. Depois, o mesmo atacante tornou a marcar: 16 a 15. O time verde e amarelo chegou a estar ganhando por 17 a 16, em gol de João Pedro, mas parou de novo. O Chile retomou a vantagem em 19 a 18, e o Brasil tornou a empatar com João Pedro, em 19 a 19.
Num jogo de muitos erros de ambas as equipes, acabavam saindo muitos gols porque as defesas falhavam demais, apesar de a pequena torcida brasileira no Lusail Hall gritar 'Defesa, defesa', quando o Chile atacava. O jogo estava em aberto, não pelo alto nível, mas pelos erros. Um dos donos da noite, João Pedro converteu e repôs a seleção brasileira à frente, em 20 a 19, com 12 minutos. Entretanto, com 18 minutos pela frente, tudo podia acontecer, como o golaço de Gustavo Japa, aos 13 minutos, abrindo pela primeira vez uma diferença de dois pontos pró-Brasil: 21 a 19. Ainda sob tensão e errando muito, o Brasil só conseguiu se impor realmente nos últimos dez minutos, graças à subida de desempenho de Thiagus e à providencial entrada de João Pedro, eleito o craque do confronto. Autor de 5 gols, o camisa 4 era letal nos arremessos, e com isso ajudava a seleção a se desgarrar no marcador. A torcida brasileira e o próprio time só respiraram aliviados, mesmo, quando Valadão balançou as redes aos 23 da segunda etapa: 26 a 22. Enquanto a torcida do Qatar, que havia chegado no intervalo para a partida contra a Bielorrússia, já fazia muito barulho e tocava "Aquarela do Brasil", em quadra o Brasil carimbava seu passaporte para as oitavas de final: 30 a 22.

Fonte: O Globo

FPF divulga trios de arbitragem da segunda rodada do Paraibano




A Federação Paraibana de Futebol divulgou a escala de arbitragem para a segunda rodada do Campeonato Paraibano de 2015. A escala dos três jogos foi sorteada nesta quinta-feira na Federação Paraibana de Futebol. Três jogos compõe a rodada do estadual. Em João Pessoa, o Santa Cruz de Santa Rita encara o Atlético de Cajazeiras. Também na capital paraibana, o Auto Esporte joga contra o Miramar. E em Sousa, o Dinossauro pega o Lucena. Todas as partidas acontecem no domingo.
Santa Cruz x Atlético de Cajazeiras
Clizaldo Luiz Maroja (CBF) apita a partida entre a Cobra Coral e o Trovão Azul. Os auxiliares serão Broney Machado e Felipe Messias. O quarto árbitro será Francisco Santiago. A partida acontece às 15h15 no Estádio Almeidão.
Auto Esporte x Miramar
Também em João Pessoa, às 17h30, o Macaco Autino recebe o Miramar de Cabedelo. João Bosco Sátiro será o responsável pela arbitragem. Ele será auxiliado por Michelson Nobrega e  Josiel Ferreira. O quarto árbitro vai ser Adeilson Sales.
Sousa x Lucena
No Sertão, o Dinossauro encara o Tubarão do Norte às 16h. Antônio Umbelino, auxiliado por Márcio Freire e Linaldo Baracho serão os responsáveis pela arbitragem da partida. Washington Silva será o quarto árbitro.
Amistoso entre Botafogo-PB e Alecrim-RN
No sábado, o Botafogo-PB encara o Alecrim em amistoso no Estádio Almeidão, às 16h. O árbitro Gutemberg Pereira será o responsável por comandar a partida. Ele será auxiliado por Tarcísio José e Geovani Silva. O quarto árbitro será Wagner Vensceslau. 

Por Globo Esporte PB

Corinthians goleia São Paulo e faz a final da Copa São Paulo de Juniores com o Botafogo-SP


Corinthians vence o São Paulo na semifinal da Copinha (Foto: Ari Ferreira/ LANCE!Press)
Após a classificação para a final da Copa São Paulo de Futebol Júnior, os jogadores do Corinthians foram festejar a vitória com os torcedores que estiveram presentes no Estádio Major Levy Sobrinho, em Limeira. O Timão venceu o Tricolor por 3 a 0, com gols de Matheus Vargas, Léo Príncipe e Gabriel Vasconcelos. Essa é a 16º decisão do Corinthians na competição.
Os atletas alvinegros já estão focados na decisão contra o Botafogo-SP, que venceu o Palmeiras nesta quinta por 2 a 1. O atacante Gabriel Vasconcelos afirmou que a equipe precisa estudar os pontos fracos do adversário de domingo e enalteceu a atuação de seus companheiros.

Cheguei agora no Corinthians, mas a gente tem bem o material deles e vamos estudar bem. Camisa fica fora de campo, quando entra nas quatro linhas é onze contra onze, vamos estudar o time deles e jogar de igual pra igual, como nós fizemos hoje contra o São Paulo. A gente sabia que quem aproveitasse as oportunidades seria o vencedor. Ambas as torcidas fizeram um bonito show e isso é um aperitivo para o profissional - disse o atacante.
Já o meia Matheus Cassini alfinetou o São Paulo e declarou que o arquirrival não soube respeitar o Alvinegro no decorrer da partida. O camisa 11 recebeu o segundo cartão amarelo e está de fora da decisão. Outro desfalque da decisão é o atacante Gustavo Tocantins, que também tomou o segundo amarelo.

Eles não vão gritar mais do que nós. Aqui é Corinthians e eles precisam respeitar. Eu não vou estar na final infelizmente (tomou o terceiro cartão amarelo). Muitos já davam o São Paulo na final, mas tem que respeitar o Corinthians. Essa camisa vale ouro - alfinetou o armador

Por Lancenet

22/01/2015

Atacante Didi Potiguar é o mais novo reforço do Corintians de Caicó para o Estadual 2015


O experiente atacante Didi está de volta ao Galo do Seridó. Alex Sandro Alves de Amorim, 36 anos, natural do Distrito de Barra de Santana no Município de Jucurutu, está confirmado como mais novo reforço do Galo do Seridó para a disputa do Campeonato Potiguar 2015.

A Informação da contratação de Didi foi confirmada nesta quarta-feira pelo Presidente do Corintians de Caicó, Lobão, admitindo que agora está contratando por conta própria.

A última passagem de Didi pelo Galo do Seridó foi no Campeonato Potiguar 2013, onde a equipe que tinha a frente este experiente atacante conseguiu ser vice-campeã do 1º turno do estadual daquele ano.


Fonte: Blog do Jotinha

Resultados da 1ª rodada da Copa de Futsal Revelando Novos Talentos em Juazeirinho


A Copa de Futsal Sub 16 Revelando Novos Talentos em Juazeirnho teve seus três primeiros jogos realizados nesta quarta(21) com três jogos e tivemos os seguintes resultados:

Cruzeiro de Soledade 7 X 6 UZ 100 Noção de Taperoá
LDU 6 X 3 Red Bull do Junco do Seridó
Marotinhos 3 X 2 Vida Loka

Nesta tivemos os seguintes jogos:
Shaktar X Juventude
LDU X Só Nois

Jogos da sexta:
Assunção X Juventude
Marotinhos X Red Bull do Junco do Seridó
Todos os jogos terão inicio ás 19, 20 e 21 horas.
Informações e foto de Ailton Trajano.

Portal Esporte São José do Sabugi

Palmeiras esbarra em paredão do Botafogo-SP e é eliminado da Copa São Paulo de Juniores após 32 anos


O Botafogo-SP venceu o Palmeiras por 2 a 1 é o primeiro finalista da Copa São Paulo de 2015. O Palmeiras atacou a maior parte do tempo, mas o sistema defensivo do Botafogo-SP funcionou bem e teve um goleiro Talles inspirado.
Assim, em três contragolpes certeiros, o time de Ribeirão Preto conseguiu um escanteio que resultou no gol de Mayc, marcou com William e quase fez um terceiro gol - a bola só não entrou porque o zagueiro tirou em cima da linha. Gabriel Jesus marcou o gol do Palmeiras aos 45 minutos do segundo tempo.
A decisão será no próximo dia 25, no estádio do Pacaembu, com o vencedor do clássico entre Corinthians e São Paulo.
Fases do jogo: No primeiro tempo, o Palmeiras manteve mais a bola no campo de ataque, mas não conseguiu transformar seu domínio no jogo em oportunidades de gol. Pelo contrário, aos 15 minutos, o Botafogo-SP chegou ao gol após seu primeiro ataque com mais perigo, que resultou em escanteio. Na cobrança, Mayc cabeceou e abriu o placar.
O gol deixou o Palmeiras mais nervoso na partida, errando mais passes e abrindo mais espaços para os contragolpes botafoguenses. A tensão chegou ao ponto dos jogadores baterem boca dentro do gramado e apenas uma série de cartões amarelos conseguiu esfriar os ânimos.
Na volta do intervalo, uma blitz do Palmeiras. Com apenas um volante em campo, o time foi com tudo para cima do Botinha e quase marcou com menos de um minuto, em uma cabeçada de Lucas. A ofensividade do time da capital, porém, cobrou seu preço, com um time bastante exposto na defesa.
Da primeira vez que o Botafogo-SP foi para o ataque, Matheus Sales precisou tirar em cima da linha o chute de Wesley. No segundo lance de perigo, ninguém salvou: aos 7 minutos, William bateu cruzado, o goleiro ainda tocou na bola, que entrou lentamente.
Então o Palmeiras aumentou seu volume no ataque, criando as melhores oportunidades. O Botafogo-SP tentava esfriar os ânimos.
Gabriel Jesus tentava resolver na individualidade, criava boas chances, mas parava no goleiro do Bota. Em uma de suas arrancadas, o camisa 9 do Alviverde sofreu falta de Liniker - que acabou expulso.
O Botinha então praticamente abriu mão de atacar. Virou ataque contra defesa. Virou Palmeiras contra Talles. E o goleiro só não foi perfeito porque aos 45 do segundo tempo Gabriel Jesus saiu driblando e chutou cruzado, no canto esquerdo, para descontar para o time da capital.
Nos acréscimos, só deu tempo para o palmeirense Guilherme fez falta em Carlos Henrique para impedir um contragolpe e ser expulso.
O melhor: Talles - Se não fosse pela ótima atuação do goleiro do Botafogo-SP, o Palmeiras teria marcado gols. Foram pelo menos cinco defesas difíceis e decisivas. O zagueiros Caio Ruan, Gabriel e o volante Lineker também merecem destaque por dar solidez defensiva ao clube do interior.
Toque dos técnicos: O técnico do Palmeiras, Diogo Giacomini, optou por começar o jogo com o artilheiro Christofer no banco de reservas. Colocou o jogador apenas no intervalo, mas acabou abrindo mão da marcação no meio-campo. O time começou a ter mais chances de ataque, mas ficou vulnerável na defesa.
Para lembrar:
- A única vez que o Botafogo-SP chegou a uma final de Copa São Paulo foi em 1983, quando o time perdeu para o Atlético-MG por 2 a 1.
- Na última vez que o Palmeiras caiu na semifinal da Copa São Paulo, em 2013, o finalista Santos, sagrou-se campeão.
 
UOL

Estreia do Campinense no Nordestão muda de horário e também será de portões fechados


Estreia do Campinense no Nordestão muda de horário e também será de portões fechados
Foto: Divulgação
Depois de anunciar a antecipação da estreia do Botafogo-PB na Copa do Nordeste, a CBF confirmou nesta quinta-feira (22) que a partida entre Bahia x Campinense, que abrirá o Grupo E da competição, também foi remanejada, só que para o dia 4 de fevereiro.
O duelo entre o Tricolor de Aço e a Raposa estava agendado para as 21h45 da quinta-feira (05), mas passou para a quarta, às 20h, e com um detalhe: os portões da Arena Fonte Nova serão fechados para o público.
Isso porque o Bahia vai cumprir pena pela confusão envolvendo membros de uma de suas torcidas uniformizadas na partida contra o Figueirense, dia 14 de setembro, em jogo válido pela 21ª rodada do Brasileiro, no estádio Jóia da Princesa, em Feira de Santana.
Além da proibição da entrada da torcida, o Tricolor da “Boa Terra” ainda vai pagar multa de R$ 20 mil.

Fonte: Voz da Torcida

ATENÇÃO: Jogo festivo em Patos dia 31 entre Amigos de Ronaldo Angelim X Amigos de Batista Guerreiro


Os desportistas e torcedores em geral de Patos e região estão sendo convidados para um jogo festivo que será realizado no dia 31 de janeiro a partir das 17h00min no Estádio Municipal José Cavalcanti entre as equipes dos Amigos de Ronaldo Angelim x Amigos de Batista Guerreiro.
A atração principal é Ronaldo Angelim ex-flamengo, faltando ainda confirmar presença  de Sousa ex- Corinthians, Flamengo e América RN, entre outros ex jogadores de renome do futebol nordestino e brasileiro. 
Ingressos à 5 reais mais 1 kg de alimento.
Informações de foto de Edinho jatobá(Facebook)

Portal Esporte São José do Sabugi

Atacante Dú, ex Nacional de Patos é o novo reforço do Lucena no Paraibano


Lucena acerta contratação de ex-atacante do Treze
Foto: FutRio
Após a estreia na elite do futebol paraibano com vitória sobre o Atlético de Cajazeiras, por 3 a 2 no último domingo, o Lucena segue reforçando o elenco para o restante da disputa do campeonato estadual.
E para dar mais experiência ao elenco, que já conta com alguns atletas rodados como o lateral direito Zé Wilker, o meia Ribinha e o atacante Manu, o Tubarão do Litoral acertou a contratação de mais um jogador.
Trata-se do atacante Du, de 22 anos, que despontou no estado pelo Nacional de Patos em 2010, e também já teve passagens por Treze, Baraúnas-RN, Chã Grande-PE, Artsul-RJ e Bangu-RJ. Jogando no Rio de Janeiro, o jogador ficou conhecido como Du Paraíba.
Emprestado pelo Bangu, clube com o qual tem contrato até o fim do ano, até o término do Campeonato Paraibano, Du vai disputar o torneio pela quinta vez, apesar da pouca idade. Ele se apresentará ao time, que está sediado em Campina Grande, na manhã desta quinta-feira (22).

Fonte: Voz da Torcida

Semifinais da 46ª Copa São Paulo de Juniores serão nesta quinta


Palmeiras busca o título inédito da CopinhaCampinas, SP, 21 (AFI) - A Federação Paulista de Futebol (FPF) divulgou na manhã desta quarta-feira a data e horários da semifinal da 46. edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior. O confronto entre Palmeiras e Botafogo será nesta quinta, às 18h30, na Arena Barueri, enquanto que Corinthians e São Paulo fazem o clássico no mesmo dia, às 21h, no Estádio Major Levy Sobrinho, em Limeira.
O Palmeiras vinha jogando em Limeira, cidade localizada 150 quilômetros a noroeste da capital paulista, e a sede agradou tanto que receberá o clássico da semifinal. A FPF ainda não informou se haverá cobrança de ingressos no Estádio Major José Levy Sobrinho, nem qual será o trio de arbitragem da partida.
Palmeiras busca o título inédito da Copinha
O Corinthians, por sua vez, faz o caminho inverso. A equipe vai para Limeira e deixa a sua sede até aqui, em Barueri, para o Palmeiras. Lá, na Arena Barueri, o time alviverde vai enfrentar o Botafogo de Ribeirão Preto, surpresa do torneio. Com pelo menos um time grande garantido na final de domingo, a decisão deverá mesmo ocorrer no Pacaembu. O Corinthians conquistou seu último título em 2012 e foi vice no ano passado, perdendo do Santos. O São Paulo não ganha a Copinha desde 2010, enquanto Palmeiras e Botafogo-SP vão atrás de um título inédito.
A final da 46. edição da Copa SP está sendo muito aguardada. Uma decisão entre Palmeiras e Corinthians não acontece no torneio desde 1970, quando o Timão ficou com a taça. Já um provável Palmeiras x São Paulo lembrará o fatídico episódio de 1995, quando o campo virou um palco de guerra. A grande surpresa da competição, o Botafogo vem sendo comandado por Rodrigo Fonseca, que vem fazendo com que sua equipe encare de igual para igual grandes nomes do futebol brasileiro, não é a toa que passou pelo Grêmio nas quartas de final e tira um pouco do favoritismo do Palmeiras. O Pantera também sonha em ficar com sua primeira taça da competição.

Agencia Futebol Interior

Everton marca após lambança da zaga e Flamengo vence o Vasco em Manaus


Foto:  Gilvan de Souza/Flamengo/Divulgação
Apesar de se tratar de um amistoso, o primeiro confontro em Flamengo e Vasco mais parecia um jogo valendo título. Com clima quente dentro e fora de campo, o Rubro-Negro venceu o Cruz-Maltino por 1 a 0 nesta quarta-feira, na Arena da Amazônia, pelo torneiro Super Series e conquistou a primeira vitória da temporada 2015. Everton foi o autor do gol do triunfo, aproveitando falha de Sandro Silva na saída de bola.

Mesmo sendo apenas o primeiro jogo de cada time na pré-temproada, a partida foi levada a sério por ambas as equipes que fizeram uma partida com jogadas ríspidas e muito disputado no meio campo. Apesar de muita disposição, os jogadores sentiram o ritmo de jogo e não mantiveram o alto nível até o final.
A vitória coloca o Flamengo na liderança do torneio Super Series com três pontos. No próximo domingo, o Rubro-Negro enfrenta o São Paulo, na Arena da Amazônia, às 17h, precisando da vitória para garantir o título da competição. Já o Vasco volta a campo também contra o clube paulista, na próxima sexta-feira, às 22h, no mesmo estádio.
O JOGO
Apesar do jogo ser na Arena da Amazônia, o duelo entre as torcidas nas arquibancadas relembrava a atmosfera do Maracanã. Porém dentro de campo, os dois times mostraram nos primeiros minutos que ainda estão começando a preparação para a temporada abusando dos erros de passes e de jogadas truncadas no meio campo. Um pouco mais organizado em campo, o Flamengo trocava passes com mais efetividade mas não conseguia finalizar.
Somente aos 22 minutos houve a primeira finalização a gol do jogo. Após falta na entrada da área, Bernardo chutou rasteiro para fácil defesa de Paulo Victor. O Flamengo só conseguiu responder aos 30. Após boa jogada de contra-ataque, Nixon recebeu bom passe dentro da área e finalizou com perigo obrigando Martín Silva a colocar para escanteio.
Após as chances criadas, o jogo esquentou de vez em campo. Em menos de dois minutos, jogadas ríspidas se sucederam e o árbitro distribuiu três cartões amarelos, dois para o Fla e um para o Vasco. Aos 33, o Cruz Maltino aproveitou mais uma bobeira do Rubro-Negro na saída de bola e após belo passe de Bernardo, Marcinho recebeu com espaço dentro da área e finalizou para uma defesa espetacular de Paulo Victor.


No minuto seguinte, o Fla respondeu a altura. Em contra-ataque rápido, Marcelo Cirino acelerou a jogada pelo lado esquerdo, invadiu a área e serviu Arthur Maia que se atrapalhou na hora de finalizar e desperdiçou a melhor chance do Rubro-Negro na partida. Apostando sempre nas jogadas de velocidade, o Flamengo chegava com velocidade ao ataque surpreendo a defesa do Vasco. Ainda procurando o melhor encaixe do time, o time da Colina se aproveita dos erros de passe do Rubro-Negro para tentar atacar.
Na reta final do primeiro tempo, a estrela de Paulo Victor começou a brilhar. Após falta cobrada na área por Bernardo, Luan cabeceou com força e o camisa 48 do Fla operou um verdadeiro milagre. Porém, a jogada não valeu pois o bandeira assinalou impedimento do zagueiro vascaíno. Três minutos depois, o Vasco chegou novamente com perigo. Novamente Marcinho recebeu bom passe de Bernardo e finalizou para mais uma defesa do goleiro Rubro-Negro.
Na volta para o segundo tempo, o Flamengo resolveu tomar a iniciativa e começou a partida pressionando a saída de bola do Vasco. Logo no primeiro minuto, Anderson Pico fez boa jogada pela esquerda e finalizou com perigo ao lado do gol de Martín Silva. Com maior presença no campo de ataque, o Rubro-Negro começou a criar chances no jogo. Aos 6, Pará fez grande jogada pela direita e cruzou na medida para Marcelo Cirino que não aproveitou a chance e furou a bola. Na sequência, o camisa 7 finalizou rasteiro para boa defesa de Paulo Victor
A pressão feita pelo Fla deu resultado aos 9 minutos. Sandro Silva tentou driblar na saída de bola, mas foi desarmado por Everton. O meia invadiu a área e com tranquilidade finalizou deslocando Martín Silva para abrir o placar na Arena da Amazônia. O gol desorganizou o Vasco em campo que começou a oferecer espaço no contra-ataque.
Aos 11, o Flamengo chegou novamente com velocidade pela direita com Nixon. O atacante fez cruzamento com perigo para Marcelo Cirino, mas Montoya se adiantou e evitou uma chance clara de gol. Atordoado em campo, o Vasco não conseguia produzir nada e o Fla dominava completamente o jogo.
Após várias substituições dos dois lados, a partida perdeu em qualidade e o jogo passou a ficar truncado no meio campo sem chances criadas. Mais organizado, o Fla dominava a partida. Aos 27, o jovem atacante Yago fez boa jogada pela direita e cruzou para Montoya finalizar em cima de Paulo Victor que saiu abafando o chute e evitando o gol de empate.
O Vasco começou a se animar na partida graças as boas jogadas de Yago pela direita. Em novo lance do atacante pela direita, ele cruzou para Julio dos Santos finalizar para mais uma boa defesa de Paulo Victor. Sentindo o início da pré-temporada, a qualidade da partida caiu e os jogadores começaram a apresentar sinais de cansaço. Com o placar a favor e melhor em campo, o Flamengo apenas administrou o resultado e garantiu a primeira vitória da temporada 2015.
FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 1x0 VASCO
Estádio: Arena da Amazônia (AM) Renda e Público: Árbitro: Edmar Campos da Encarnação (AM) Gols: Everton (Flamengo, aos 9' do 1ºT) Cartão Amarelo: Cáceres, Anderson Pico, Arthur Maia (Flamengo) e Christiano, Montoya (Vasco) Cartão Vermelho:
FLAMENGO: Paulo Victor, Léo Moura (Pará, intervalo), Wallace, Samir e Anderson Pico; Víctor Cáceres (Márcio Araújo, intervalo), Canteros, Arthur Maia (Lucas Mugni, aos 17' do 2ºT) e Everton (Luiz Antônio, aos 34' do 2ºT); Nixon (Alecsandro, aos 17' do 2ºT) e Marcelo Cirino (Bressan, aos 43' do 2ºT). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.
VASCO: Martin, Jean Patrick (Nei, aos 22' do 2ºT), Luan, Rodrigo e Christiano (Henrique, aos 25' do 2ºT); Guiñazu (Lucas, aos 24' do 1ºT) e Sandro Silva (Júlio dos Santos, aos 17' do 2ºT); Bernardo (Marquinhos do Sul, aos 12' do 2ºT), Marcinho e Montoya; Rafael Silva (Yago, aos 12' do 2ºT). Técnico: Doriva.

ig.com.br

CBF antecipa duelo entre Botafogo-PB x River-PI na Copa do Nordeste


CSP x Santa Cruz-PB, no Estádio Almeidão, pelo Campeonato Paraibano 2015 (Foto: Larissa Keren / GloboEsporte.com/pb)
Foto: Larissa Keren / GloboEsporte.com/pb
A CBF confirmou a mudança de data do jogo entre Botafogo-PB e River-PI válido pela primeira rodada da Copa do Nordeste no estádio Almeidão. Inicialmente previsto para o dia 5 de fevereiro, a partida foi antecipada para o dia 3, às 22h45.  A decisão acontece em decorrência do cumprimento de pena de perda de mando de campo imposta pela 3ª Comissão Disciplinar do STJD ao time da Paraíba. As duas equipes dão o pontapé inicial na competição com portões fechados ao público.
No último fim de semana, o Belo recebeu o América-RN, no mesmo palco da estreia do torneio, e levou a melhor no amistoso ao vencer a partida com o gol de Alex Cazumba, em cobrança de falta. A vitória animou o grupo botafoguense pela atuação da trinca composta pelos meias Chapinha, Doda e Bismarck, armas do técnico Marcelo Vilar na temporada.
Por outro lado, a equipe do River-PI continua os trabalhos intensivos de preparação antes da estreia na Copa do Nordeste. O Galo fez um rachão nesta quarta com o objetivo de montar o time que encara o Piauí Esporte Clube em partida amistosa, no estádio Albertão, no próximo sábado.
River-PI e Botafogo-PB estão em um dos grupos mais equilibrados da Copa do Nordeste. A dupla está no Grupo D, ao lado do vice-campeão da edição 2014, o Ceará, além do Fortaleza.

Por Globo Esporte PB